7 Curtiss F - Aerobote para instrução, biplano, 2 tripulantes, equipada com motor OX-2 de 90 HP, velocidade máxima de 69 mph, tempo de 10m para ascender a 2.300 pés, teto de serviço de 4.500 pés, alcance de 5h30m. Em 1916, foram adquiridos três, tornando-se os primeiros aviões militares brasileiros. Esses aerobotes permaneceram em serviço ativo até 1923.

Em 25 de janeiro de 1917, ao visitar a Escola de Aviação Naval, Santos-Dumont, a bordo de um desses aerobotes, sobrevoou a Baía de Guanabara, realizando seu primeiro vôo como passageiro, no Brasil. O avião era pilotado pelo Tenente Virginius Brito de Lamare. Em 2 de abril daquele ano, o Presidente Wenceslau Braz chega à Escola a bordo de um Curtiss F, pilotado pelo Tenente Antonio Augusto Schorcht, para presidir a cerimônia de conclusão do curso avançado. Esse vôo é considerado como o primeiro de um presidente em avião militar do Brasil.

Santos Dumont e o Tenente De Lamare (Coleção da Escola de Aviação Naval)