11 Savoia Marchetti S-55A - Aerobote de casco duplo empregado em missões de Bombardeio e Patrulha, 5 a 6 tripulantes, equipado com dois motores Isotta-Fraschini Asso 750 de 930 CV cada – 1 trator e 1 propulsor –,  velocidade de cruzeiro de 233 Km/h, velocidade máxima de 280 Km/h, alcance máximo de 4.500 Km, teto de serviço de 15.000 pés. Podia ser armado com 4 metralhadoras Lewis .30, instaladas nos cascos,  sendo uma em cada proa e duas  atrás; 1 torpedo ou  2.000 kg de bombas. Adquiridas pela Marinha em 1931, foram transportadas em vôo por equipagens italianas sob a liderança do General Italo Balbo, chegando ao Rio em janeiro daquele ano. Permaneceram em serviço ativo até 1936. Equiparam a 1ª Flotilha de Bombardeio e Patrulha da Força Aérea da Esquadra.

Em 1931, por ocasião das datas nacionais da Argentina, 9 de julho, e do Uruguai, 18 de julho, uma esquadrilha composta  de 8 aviões Savoia Marchetti, liderada pelo Capitão-de-Corveta Antonio Augusto Schorcht, se fez presente em Buenos Aires e Montevideo, representando o governo brasileiro. Notável feito da Aviação Naval, cujo deslocamento ocorreu sem qualquer incidente que inspirasse cuidado